Um amor de tesouro




Se fosse escondido,
no fundo do mar,
dentro das algas perdidas
meu tesouro seria.

Se fosse secreto,
nossa história de amor,
se fosse encoberto,
meu tesouro seria.

se fosse na noite,
o nosso encontro,
depois de um culto no ponto,
meu tesouro seria.

Se fosse amiga,
das melhores amigas,
confidente de sentimentos,
meu tesouro seria.

Se fosse descoberta,
uma ilha secreta,
minha ilha secreta,
meu tesouro seria

se fosse você,
predestinado amor,
te ter assim tão perto,
nos dias ao céu aberto.

se fosse você,
meu motivo de amar,
meu motivo de viver
meu tesouro seria.

Se fosse das estrelas,
você uma delas,
mais linda de todas,
meu tesouro seria.

Se fosse um mar,
navegaria te olhando,
a estrela mais bela, até te encontrar,
até me perder, meu tesouro seria.

Se fosse apenas uma história,
meu conto de fadas,
ainda que fosse só pra ser um sonho,
meu tesouro seria.

Se fosse seus olhos,
o mel que escoa,
me deixa beber de teus olhares,
me afogar em seus amores.

Se fosse meu sol,
um sorriso seu,
palhaço de profissão 
meu tesouro seria, só pra te ver sorrir.
Andy Veríssimo Blogueiro

Cristão, publicitário de profissão, teólogo e poeta nas horas vagas. Músico e ministro de louvor, amante de sorrisos, do amor, dos livros e de bacon, é claro. Desde pequeno, sempre escrevi poesias, sempre apaixonado pela escrita decidi colocar alguns desses retalhos num blog.

Nenhum comentário:

Postar um comentário