Pensei que o seu coração fosse meu





















Certo dia uma moça teve um sonho com o seu casamento.

O dia foi incrível, na verdade, Camila mal conseguiu dormir na madrugada do dia anterior. Ela tinha sonhado e planejado por meses. A capela pequena estava repleta de amigos e familiares. Raios de sol penetravam pelos vitrais coloridos das janelas, e a música suave de um quarteto de cordas enchia o ambiente.
Ela relembrava os momentos em que conheceu o Júlio, desde que começaram a namorar. Foi um dia de lágrimas de felicidade. Seu coração estava tão mole quanto uma manteiga derretida.

Ela se viu entrando na Igreja, padrinhos e madrinhas cercavam a borda do altar, as pessoas de pé com lágrimas nos olhos acompanhavam a entrada da noiva. De tudo, o que mais lhe emocionou foi o olhar de seu noivo - apaixonado - emocionado - ele não desgrudava o olhar dela.

Ao som de "Thousand years", ela entrou na Igreja, estava arrepiada - emocionada - agradecida.

Seu pai a levava tremulo pela mão. Camila caminhava pela passarela em direção ao Julio. A alegria tomou conta. Este era o momento que ela tinha aguardado tanto. Ele segurou a sua mão carinhosamente, e se viraram para o altar.

Mas no momento em que o celebrante começou a conduzir Camila e Julio nos votos matrimoniais, aconteceu o impensável. Uma garota se levantou no meio da congregação, caminhou em silêncio para o altar e tomou a outra mão do Julio. Uma outra garota se aproximou e ficou ao lado da primeira, e depois outra também fez o mesmo. Logo, uma corrente de seis garotas estavam ao seu lado enquanto ele fazia o voto para Camila.


Sentindo um tremor nos lábios enquanto as lágrimas enchiam os olhos. Isso é algum tipo de piada? - ela sussurrou ao Julio. 

- Me... me perdoe, Ca. - ele disse, olhando para o chão. 
- Quem são estas meninas, Julio? O que está acontecendo? - ela perdeu o fôlego. 
- São garotas do meu passado. Ele respondeu com tristeza. 
- Camila, elas não significam nada para mim hoje... mas eu dei uma parte do meu coração para cada uma delas. 
- Pensei que o seu coração fosse meu. - disse ela. 
- E é mesmo, é mesmo. Ele implorou. - Tudo o que sobrou é seu. Uma lágrima correu pela face de Camila. Então ela acordou. 

Acredito que você ficou chocado com essa história.
Quantos homens se alinhariam ao seu lado no dia do seu casamento? 
Quantas vezes você deu o seu coração em relacionamentos de curta duração? 
Será que vai sobrar alguma coisa para dar ao seu marido?

E se as garotas que você ficou aparecessem no dia do seu casamento dizendo: 

- Você fez umas promessas muito bonitas lá no altar. Espero que você cumpra melhor as promessas hoje do que quando eu te conheci.
- Nossa, como você está elegante neste fraque. E que noiva bonita. Você já contou a ela sobre mim? Você já disse para ela todas aquelas coisas lindas que sussurrava no meu ouvido? 


Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida.
Provérbios 4:23.

É para se evitar uma situação dessas que o sábio escreveu em Provérbios.


Guarde seu coração, espere em Deus. Deixe o Senhor lhe mostrar a pessoa certa. Faça amigos e não procure relacionamentos. Não saia atirando para todos os lados, - desesperada - Deus sabe a hora certa de te abençoar. Vale a pena esperar!
Muitos casamentos refletem exatamente a história desse sonho. O que vai sobrar para você dar ao seu esposo (a)? Acredito que ele(a) merece o seu melhor, e não as sobras. 

Guarde-se.



Andy Veríssimo Blogueiro

Cristão, publicitário de profissão, teólogo e poeta nas horas vagas. Músico e ministro de louvor, amante de sorrisos, do amor, dos livros e de bacon, é claro. Desde pequeno, sempre escrevi poesias, sempre apaixonado pela escrita decidi colocar alguns desses retalhos num blog.

4 comentários:

  1. Oii Andy.. Bem que vc disse msm que eu ia gostar! rsrs Otimo texto! Esperar no Senhor, sem dúvida alguma, é a melhor decisão! Deus tem sempre o melhor pra nós, e pq não confiar? Ele sabe exatamente oq faz e o tempo certo das coisas acontecerem!
    ~ Fica na paz! Abraço
    - Cassia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Cássia!

      É verdade, recentemente Deus me abriu os olhos sobre essa questão de guardar o coração. Se a gente pudesse compreender de fato a seriedade de se guardar o coração, nós não sairíamos por aí se envolvendo com qualquer pessoa. Nosso coração se marca de uma forma que demora anos pra limpar.

      Deus te abençoe, obrigado pela visita no meu cantinho.

      bjs, Andy

      Excluir
  2. Respostas
    1. Obrigado Caah pela visita, volte mais vezes *-*

      Excluir