Fé pura num corpo impuro




"E, descendo ele do monte, seguiu-o uma grande multidão. 
E, eis que veio um leproso, e o adorou, dizendo: Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo. 
E Jesus, estendendo a mão, tocou-o, dizendo: Quero; sê limpo. E logo ficou purificado da lepra."

Bom dia queridos,
ministrei essa palavra na célula de ontem, gostaria de compartilhar com vocês.

Em primeiro lugar Jesus desce do monte e já é cercado por uma multidão. Eu já vivi tempos, onde eu era imaturo na fé. Onde a minha espiritualidade me levava a me afastar as pessoas. Eu jamais iria me encontrar com uma multidão se eu tivesse descido do monte depois de ter um momento com o Pai. rsrs E hoje em dia, muitas pessoas ainda pensam assim, espiritualidade é sinônimo de isolamento. Jesus, até teve o seu momento a sós ali naquele monte, mas ele desceu e foi se encontrar com o povo. Nossa espiritualidade sempre nos aproximará das pessoas.

Em segundo lugar, mesmo cercado por uma multidão, um leproso conseguiu chegar até ele. Jesus deu atenção aquele leproso. Se fosse eu ou você, talvez passaríamos de largo. Por muito menos viramos as costas aos apelos de mendigos ou pessoas necessitadas. Mas este homem era um leproso. Alguém doente, excluído da sociedade.
Um homem com lepra em Israel, devia ficar fora do convívio social, vivia em cavernas, pelas entradas das cidades, embaixo de arvores, sempre longe de todos e de tudo. Quando entravam na cidade com o intuito de se apresentar ao sacerdote, eles balançavam um sino que diante de todos já era o aviso de que um leproso estava passando. Na maioria das vezes as pessoas gritavam: - "- Olha o leproso". Para os judeus, um sinal de maldição da parte de Deus sobre eles. 

Esse homem se aproxima de Jesus, e a bíblia diz que ele "o adorou dizendo: podes purificar-me?". 

Que cena.

Em terceiro lugar, fica claro que adoração desse homem não dependeu do seu estado físico ou emocional. Quebrado por dentro, moído por fora, mesmo assim ele teve forças para chegar a Jesus e o adorar.
Ainda nesta cena, vemos que muitas vezes a expressão de adoração não se restringe apenas a dizer a Deus palavras de exaltação, mas palavras de dependência como " - Senhor, podes socorrer-me". Em Salmos 51 vemos o Davi declarando que sacrifícios agradáveis a Deus são o coração quebrantado e contrito, esse Deus não desprezará. De fato, um culto real a Deus começa dentro do coração com a humildade e dependência.


Por ultimo, em quarto lugar, Jesus toca no intocável.
Jesus sempre será aquele que vai aonde nenhum outro pode ir. Se você acha que essa situação onde você encontra não tem solução, corra para Jesus, ele pode tocar, e ao toque dele tudo pode mudar. A vida daquele homem mudou, e a nossa vida pode mudar também se nos aproximarmos com um coração inteiro a Jesus.

Que Deus te abençoe,
um abraço,
Andy

Andy Veríssimo Blogueiro

Cristão, publicitário de profissão, teólogo e poeta nas horas vagas. Músico e ministro de louvor, amante de sorrisos, do amor, dos livros e de bacon, é claro. Desde pequeno, sempre escrevi poesias, sempre apaixonado pela escrita decidi colocar alguns desses retalhos num blog.

2 comentários: